Os Aspetos Negativos da Perda de Peso: Excesso de Pele e Flacidez nos Braços e Barriga

17 Junho, 2014
Olá amigas hoje quero partilhar convosco outro Aspeto Negativo da Perda de Peso: o Excesso de Pele e Flacidez nos braços e barriga. Anteriormente falei-vos sobre os Seios Flácidos, seus efeitos psicológicos e as várias soluções que o mercado apresenta.
Tenho feito estes artigos para conscientizar quem está interessado em perder peso, principalmente grandes quantidades de peso, das transformações que o nosso corpo sofre e a prepara-las para ultrapassar estas fases que podem ser depressivas pois ficam com o PESOpretendido mas não com o CORPO que desejou.
A pele é o maior órgão do corpo humano, muito extenso mas a sua elasticidade tem limites, sendo que após a perda de peso fica-se com as conhecidas asas de morcego ou o “músculo do Adeus” e barriga descaída e flácida. Estas transformações podem levar a alguns constrangimentos quando a pessoa não está preparada para aceitar o seu novo corpo e a começar a tratar da parte estética e plástica do mesmo.
Quando a pessoa atinge o PESO PRETENDIDO quais são as soluções que o mercado apresenta para resolver o problema?

Primeiro que tudo quero referir a importância do exercício de musculação durante o processo de emagrecimento; este faz com que o corpo aumente a quantidade de massa muscular magra que confere mais rigidez ao nosso corpo para alem de que os músculos são um dos grandes queimadores de gordura do nosso corpo fazendo com que a pessoa perca peso mais rapidamente. O exercício físico também faz aumentar a produção de colagénio, a qual é um componente importante que confere elasticidade á pele.
Para alguns casos é necessário acompanhamento psicológico pois as transformações sofridas pelo corpo são extremas.
Passando para as soluções: Para a zona dos BRAÇOS (região do triceps) temos a Braquioplastia. Dependendo do grau de flacidez nos braços, existem diferentes técnicas e cicatrizes a serem utilizadas no momento da cirurgia, as quais podem ser: lipoaspiração sem ressecção da pele e sem grandes cicatrizes, lipoaspiração com ressecção da pele e para grande excesso de pele é utilizada cirurgia com remoção da pele. Por isso é de extrema importância consultar um especialista para lhe ser indicado dependendo do seu caso, o tipo de cirurgia mais indicado.
Este tipo de cirurgia tem uma duração média de uma a três horas e o período de internação varia entre poucas horas até um dia dependendo de cada procedimento realizado. Cuidados pós-operatórios: Para se ter uma boa cicatrização é necessário evitar movimentos bruscos, praticar exercício físico ou carregar pesos durante o primeiro mês e deve-se utilizar diariamente uma cinta modeladora de braço para ajudar o tecido a acomodar-se novamente.
Para a zona da BARRIGA, peso que este é um dos problemas que mais aflige as mulheres, temos Abdominoplastia. Esta cirurgia é utilizada para retirar o excesso de gordura e de flacidez da zona abdominal resultando numa barriga mais lisa e tonificada. É realizada efetuando um corte em forma de semicírculo logo acima dos pelos pubianos com o tamanho necessário para fazer o levantamento de pele para a retirada da gordura. Por vezes a esta cirurgia também é associada uma lipoaspiração para retirar o excesso de gordura na zona lateral, ancas.
Em média a cirurgia demora entre 2 a 5 h dependendo da extensão do tratamento, quantidade de tecido a ser removido e da associação ou não da lipoaspiração. O tempo de internamento hospitalar varia entre 2 dias dependendo de cada caso.
A recuperação requer alguns cuidados pois devido á cirurgia perde-se alguma sensibilidade na zona abdominal e esta costuma estar inchada pelo que deve-se usar uma cinta modeladora durante 35 dias. Durante o período de recuperação deve-se evitar grandes esforços e esticar muito a pele da região abdominal (semelhante a um parto por cesariana). Também não se deve usar roupas apertadas, tais como jeans ou cuecas para além de que a exposição ao sol e a temperaturas quentes também são proibidas.
A abdominoplastia não é recomendada no caso em que sejam previstos futuras gestações ou cenários de grandes ganhos de peso após a cirurgia.
O preço desta cirurgia em Portugal varia entre 3000 a 4000 Euros dependendo do centro cirúrgico e no Brasil varia entre 6000 a 7000 Reais.
RECOMENDAÇÕES: Cada uma destas cirurgias devem ser devidamente acompanhadas por especialistas, os quais indicarão os tratamentos mais adequados a cada caso. Procurem informações e clínicas com médicos devidamente autorizados.

Bisous

You Might Also Like

Sem Comentários

Deixar comentário